ESCOLHA O SEU PAÍS / REGIÃO

  • Africa en fr
  • South Africa en
  • Middle East en
  • Saudi Arabia en

Perguntas frequentes sobre AMBIENTES CONTROLADOS/CRÍTICOS

Que luvas devo usar se preciso de propriedades ESD?

As luvas de nitrilo, vinil e policloropreno são adequadas para propriedades de descarga eletrostática (ESD, na sigla em inglês).

Onde posso encontrar os relatórios de teste do produto?

As fichas técnicas são usadas para apresentar informações sobre nossos produtos aos clientes em um formato de fácil entendimento. Se tiver perguntas específicas sobre um produto, podemos fornecer respostas e relatórios detalhados. Para alguns dos nossos produtos há muita informação disponível e, para uma série desses produtos, compilamos pacotes de validação de produto.

Quanta experiência temos no atendimento das necessidades de vários ambientes críticos?

Temos mais de 50 anos de experiência técnica em salas limpas e ambientes operacionais críticos. Essa riqueza de experiência no setor nos dá uma base de conhecimento único e inestimável que usamos para ajudar nossos distribuidores e seus clientes a encontrar os produtos certos para suas necessidades. Se você tiver quaisquer dúvidas, entre em contato conosco.

O que são luvas de látex?

As luvas de látex são fabricadas de látex de borracha natural, derivado da seiva da árvore de seringueira, Hevea brasiliensis.

O que são luvas de nitrilo?

As luvas de nitrilo são fabricadas de uma película reticulada de látex sintético à base de petróleo que é formada pela copolimerização de butadieno com acrilonitrila para produzir um elastômero de nitrilo.

O que são alergias de luva?

Uma alergia à luva, ou hipersensibilidade, ocorre quando o sistema imunológico de uma pessoa reage às proteínas do látex natural e/ou aditivos usados durante o processo de fabricação de luvas. As reações variam de leves (prurido na pele, corrimento nasal, coceira, olhos lacrimejantes) a manifestações extremas como inchaço facial ou da garganta e dificuldade na respiração. Enquanto a maioria das alergias ou sensibilidades é geralmente leve, uma porcentagem muito pequena de usuários pode ter reações muito graves.

Qual é a diferença entre alergias Tipo 1 e Tipo 4?

Tipo 1: A forma mais grave e mais rara, de Tipo 1, é uma reação imediata e que potencialmente ameaça a vida, não muito diferente da reação grave que algumas pessoas têm a picadas de abelha. Essa forma de alergia é normalmente associada com as proteínas do látex. As alergias ao látex podem ser adquiridas ao longo do tempo devido ao contato prolongado com produtos de látex. Tipo 4: Também conhecida como dermatite de contato alérgica. Isso envolve uma erupção cutânea retardada com vesiculação e escorrimento da pele, e é geralmente atribuída aos aceleradores usados no processamento de produtos de borracha. Oferecemos produtos que são fabricados sem aceleradores – mais informações podem ser fornecidas a pedido.

Quando uma luva EPI se torna uma luva de Categoria 3 para proteção química?

De acordo com a diretiva de equipamento de proteção pessoal (89/686/EC), qualquer “EPI que forneça apenas proteção limitada contra ataque químico . . .' é um EPI de design complexo, ou seja, de Categoria 3. Qualquer luva que proteja contra “materiais de limpeza de ação fraca e efeitos facilmente reversíveis (luvas que oferecem proteção contra soluções detergentes diluídas etc.)” são definidas como de design simples pela diretiva, ou seja, de Categoria 1. Então, qualquer luva que se destine a proteger contra qualquer coisa que não seja o mais fraco dos produtos químicos é uma luva de Categoria 3.

Como posso saber se as luvas foram esterilizadas?

A embalagem mostra claramente que são luvas estéreis. Cada caixa tem uma etiqueta adesiva vermelha de irradiação, mostrando que o conteúdo foi gama esterilizado. A etiqueta adesiva de irradiação é amarela antes da esterilização e muda de cor para vermelho durante o processamento. Um certificado de irradiação está disponível, mostrando o número do lote e o número da caixa, confirmando que as luvas foram esterilizadas.

Quando você deve usar luvas duplas?

Recomendamos calçar luvas duplas para fornecer proteção extra. Quanto mais camadas, mais proteção contra produtos químicos. Além disso, a dupla luvagem limita a chance de penetração através de furos. Estatisticamente, há uma chance muito baixa de dois furos estarem exatamente no mesmo lugar em duas luvas. As luvas são projetadas para funcionar como um sistema de duplo enluvamento, oferecer aos operadores uma camada adicional de proteção durante todo o processo de preparação e administração de quimioterapia. Usando uma subluva brilhantemente colorida com uma luva externa colorida naturalmente, qualquer violação é imediatamente visível, dando ao operador um sinal antecipado para trocar as luvas.

Por que eu usaria uma luva de 30,5 cm/ 40,6 cm?

Você usaria uma luva de 40,6 cm se quisesse mais proteção até os cotovelos ao cobrir a manga. Além disso, uma luva de 40,6 cm manterá a manga no lugar melhor que uma luva de 30,5 cm. Há um interesse crescente por luvas de 40,6 cm por causa desses benefícios. Nossa luva nitrílica de 40,6 cm, a BioClean N Plus (BNPS), fornece essa proteção.